quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Mulher não muda homem

Por: Ana Santana

post

Quando a gente se apaixona é normal ficar meio boba mesmo. É normal acreditar nas utopias da vida. Algumas, são até legais e satisfatórias, não fazendo nenhum mal, concordo. Mas têm outras que podem destruir nosso íntimo, nossa autoestima e nos colocar em situações entristecedoras. Como achar que se pode “consertar” um homem. Isso é balela, mulher! Então, por favor, esquece.

Esquece essa ideia de que você vai conseguir mudar um cara. Não acredite em quem te fala “vai lá, coloca ele na linha”, “aguenta firme, ele vai mudar! ”. Não! Você não precisa se colocar nessa situação, tampouco trazer essa responsabilidade para sua vida. Você não tem essa obrigação e não possui esse poder. O cara que é cafajeste, será até o dia em que ELE quiser mudar. E não será você que dirá o momento certo para isso. Pode gritar, espernear ou ir com paciência, na famosa “manha”. Não importa o jeito, isso não vai acontecer

Não anulo a ideia de que um certo sentimento que venha a surgir, faça o rapaz querer alguma mudança, querer-te por perto e ter medo de te perder. Mas entende que isso será porque ele desejou e não porque você obrigou ou insistiu incansavelmente? E é a falácia dessa luta que arrebentam com o interior de muitas mulheres por aí.

Então, por favor, esquece…. Não se martirize, não se culpe, não se ache incapaz ou inferior. É uma ilusão achar que mulher conserta homem. É uma maldade insistirem nessa ideia. A mudança só acontece se for por vontade própria, se for um desejo interior. E você não é responsável por isso. Se o cara já deixou claro que não está no clima para ter algo sério ou, pior ainda, quando já mostrou, de todas as formas, ter atitudes levianas contigo, cai fora. Desapega. Segue sua vida.

Não insista se achando a mulher maravilha que salvará o pobre coitado das garras do mal. Seja a mulher maravilha que sabe muito bem que tempo e paz interior são coisas valiosas demais para serem perdidas com tentativas em vão de mudar alguém. Queira quem te faz bem. Queira quem te respeita. Queira quem te quer também. E fim…

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestEmail this to someone
Sobre o autor

Ana Santana

Pernambucana por naturalidade, baiana por amor, estudante de psicologia, intensa, indecisa e escorpiana. Escrever é fazer minha alma respirar e meu coração suspirar.

COMENTÁRIOS

BUSCAR

facebook instagram twitter youtube

Tem uma sugestão?

Indique um post!

NEWSLETTER