sábado, 30 de setembro de 2017

Em que Tempo vivemos?

Por: Laís Sales

post

Pois bem, o que é o tempo? Filósofos, sociólogos, historiadores e tantos outros contribuem para conceituar aquilo que é a base de toda existência, o tempo.

Temos músicas famosas e belas que o descrevem, o exaltam, como por exemplo a Oração ao Tempo, cantada por Maria Gadu. O tempo é citado como “um dos deuses mais lindos”.

Comparar o tempo com um deus, é algo interessantíssimo, pois prestamos culto a um deus por meio de nosso viver. Dito isto, vamos pensar três perspectivas de tempo: Cronos, Kairós e Aeon.

Cronos refere-se ao tempo lógico, minutos, horas, dias, anos… Cronos pode nos auxiliar na organização e/ou nos levar ao aprisionamento devorador. A origem deste nome vem da mitologia grega, Kronos é o deus que devora seus filhos para que não cheguem a tomar seu lugar de soberano.

Kairós tem relação com o tempo oportuno, o momento em que algo que precisa acontecer, acontece. O tempo que pode transformar a nós mesmos e as situações. Conhecido como o tempo de Deus na vivência cristã. Está relacionado ao que Jung chamou sincronicidade, uma “coincidência” de eventos internos e externos, como por exemplo: sonhos premonitórios e visões. Nos filmes, o Kairós é o ponto alto, a oportunidade de transformação da realidade, assim como na própria vida. É importante aperceber-se deste tempo.

Aeon tem relação com o tempo cíclico, a figura que melhor o representa é uruboros (dragão ou serpente que engole sua própria calda e promove movimentos circulares). Este tempo pode ser observado nas estações do ano, em fatos e vivências que costumam se repetir em nossas vidas, diz muito sobre quem somos e sobre como anda nossa vida psíquica.

A questão é que o tempo de alguma forma nos tem, devido a nossa existência, só ser possível dentro do tempo. Mas que tempo(s) habita(m) nosso ser? Nos aprisionam? Nos libertam? E o que fazemos no tempo e com o tempo? Somos temporais, mas temos a possibilidade de eternizar nossa vida deixando nossa marca no mundo se aproveitarmos cada tempo a sua maneira.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestEmail this to someone
Sobre o autor

Laís Sales

"Apenas uma gota no oceano da vida"

COMENTÁRIOS

BUSCAR

facebook instagram twitter youtube

Tem uma sugestão?

Indique um post!

NEWSLETTER